PLANO DA SANTIDADE (10): SANTA MISSA (2)


EVANGELHO – Mc 7, 24-30

Naquele tempo: Jesus saiu dali e foi para a região de Tiro e Sidônia. Entrou numa casa e não queria que ninguém soubesse onde ele estava. Mas não conseguiu ficar escondido.
Uma mulher, que tinha uma filha com um espírito impuro, ouviu falar de Jesus. Foi até ele e caiu a seus pés. A mulher era pagã, nascida na Fenícia da Síria. Ela suplicou a Jesus que expulsasse de sua filha o demônio. Jesus disse: “Deixa primeiro que os filhos fiquem saciados, porque não está certo tirar o pão dos filhos e jogá-lo aos cachorrinhos”. A mulher respondeu: “É verdade, Senhor; mas também os cachorrinhos, debaixo da mesa, comem as migalhas que as crianças deixam cair”. Então Jesus disse: “Por causa do que acabas de dizer, podes voltar para casa. O demônio já saiu de tua filha”. Ela voltou para casa e encontrou sua filha deitada na cama, pois o demônio já havia saído dela.
– Palavra da Salvação
– Glória a vós, Senhor

Olhar para Jesus:
São Marcos descreve hoje um episódio ocorrido numa região ao norte da Palestina, não judaica, que era a Fenícia. Tiro e Sidônia eram duas cidades e ficavam nesta região.

Estando Jesus numa casa, entrou uma mulher nascida nesta região e suplicou a Jesus que expulsasse de sua filha o demônio. É muito interessante a reação de Jesus. Diz, de um modo delicado, que Ele não veio senão para as pessoas do seu povo, os judeus. De fato, a missão de Jesus era principalmente esta: salvar o seu povo. Os apóstolos é que seriam encarregados de levar a Palavra de Deus a todos os cantos da terra.

Mas, o mais surpreendente foi a reação desta mulher. Mostrando uma humildade sem igual, equiparando-se a um cachorrinho na casa dos judeus que comem das migalhas dos pães que caem no chão, arranca o milagre de Jesus.

Como seria a minha reação se estivesse no lugar desta mulher? Teria uma reação orgulhosa ou humilde? Estejamos em guarda para combater todo o orgulho que há no nosso coração que se manifesta muitas vezes em discutir de forma acalorada.

Dando continuidade à nossa série sobre o Plano da Santidade, gostaria de continuar falando sobre o valor incalculável da Missa.

Falando do seu valor, a Missa é, nada mais, nada menos, do que a fonte de todas, todas, todas as graças. Todas as graças que vocês já receberam de Deus na vida vieram da Santa Missa. Por que a Missa é a fonte de todas as graças? Porque nela de modo real, e não metafórico, Cristo morre na Cruz. E é a morte de Cristo na Cruz que gera, pelos méritos do seu sacrifício, todas as graças que Deus dá aos homens.

Então, como estamos falando do Plano da Santidade, se uma pessoa quer ser santa, quer terminar esta vida muito parecido com Cristo, não há como alcançar esta meta sem a assistência à Santa Missa.

Pode ser que uma missa não faça muita diferença na vida de uma pessoa, porque ela não se abriu para as graças de Deus. Mas ninguém um dia poderá ser santo, sem a Missa. Tem muitas pessoas boas no mundo que não vão à Missa e isso porque as graças da Missa vão para o mundo inteiro e elas estão abertas, de alguma forma, a elas. Mas estas pessoas não passarão de ser boas pessoas. Nunca chegarão a ser santas como um Santo Francisco de Assis, como Santa Teresinha do Menino Jesus, como São Pio de Pietrelcina, como São Josemaria Escrivá. Lendo a vida dos santos nós vamos que estão em outro patamar.

Falando ainda do seu valor, é a Missa que detém o inferno e todos os demônios e todo o mal de tomarem conta da terra. Por isso, o pior mal que pode acontecer no mundo é a proibição do sacrifício da Missa. E isto é conhecido como “abominação da desolação”. E isto ocorrerá um dia, pois está profetizado na Bíblia, mas será apenas por um tempo por permissão de Deus.

Vejamos, neste sentido, o que diz o profeta Daniel:

Concluirá com muitos uma sólida aliança por uma semana e no meio da semana fará cessar o sacrifício e a oblação; sobre a asa das abominações virá o devastador, até que a ruína decretada caia sobre o devastado (Dan 9, 27).

Tropas sob sua ordem virão profanar o santuário, a fortaleza; farão cessar o holocausto perpétuo e instalarão a abominação do devastador (Dan 11, 31).

Desde o tempo em que for suprimido o holocausto perpétuo e quando for estabelecida a abominação do devastador, transcorrerão mil duzentos e noventa dias (Dan 12, 11).

Jesus também falou da “abominação da desolação” quando profetiza sobre o final dos tempos:

Quando virdes estabelecida no lugar santo a abominação da desolação que foi predita pelo profeta Daniel (9,27) – o leitor entenda bem (Mt 24, 15).

Quando virdes a abominação da desolação no lugar onde não deve estar o leitor entenda, então os que estiverem na Judéia fujam para os montes (Mc 13, 14).

Assim, não fazemos ideia do valor da Missa. A Santa Missa é simplesmente a maior obra de Deus aqui na terra! É a ação mais importante que ocorre a cada dia no mundo. Os santos, como estavam muito perto de Deus, sabiam da sua importância. Por isso, na semana que vem, vamos citar frases de santos falando da sua importância, do seu imenso valor.

Lição
: sabendo que a missa é a fonte de todas as graças, costumo brincar que só um tonto não vai à missa. Saibamos agradecer a Deus por nos ter dado este imenso presente que é a missa e que sejamos sábios acudindo a ela todo domingo.

PLANO DA SANTIDADE (10): SANTA MISSA (2)

You may also like

CARIDADE (16): COMBATER O EGOÍSMO (2)
EVANGELHO - Mc 8, 14-21 Naquele tempo: Os discípulos tinham se ...
JESUS CRISTO (12): O AMOR POR ELE (1)
EVANGELHO Mc 8, 11-13 Naquele tempo: Os fariseus vieram e começaram a ...
PECADOS: PEDIR A CURA DELES MUITAS VEZES E COM TODA SIMPLICIDADE
EVANGELHO - Mc 1, 40-45 Naquele tempo: Um leproso chegou perto de ...
BÍBLIA (17): REI SAUL
EVANGELHO - Mc 8, 1-10 Naqueles dias, havia de novo uma grande ...
VIRTUDES HUMANAS (11): PACIÊNCIA (1)
EVANGELHO - Mc 7, 31-37 Naquele tempo: Jesus saiu de novo da região de ...
DOUTRINA (11): PECADO ORIGINAL (2)
EVANGELHO - Mc 7, 14-23 Naquele tempo: Jesus chamou a multidão para ...
FARISEUS: QUEM ERAM
EVANGELHO - Mc 7, 1-13 Naquele tempo: Os fariseus e alguns mestres da ...
JESUS CRISTO (11): É O PRÓPRIO DEUS (2)
EVANGELHO - Mc 6, 53-56 Naquele tempo: Tendo Jesus e seus discípulos ...
BÍBLIA (16): JUÍZES
EVANGELHO - Mc 6, 30-34 Naquele tempo: Os apóstolos reuniram-se com ...
PLANO DA SANTIDADE (11): 3 AVE-MARIAS
EVANGELHO - Mc 6, 7-13 Naquele tempo: Jesus chamou os doze, e começou ...

Page 1 of 9

Rolar para o topo