NOSSA SENHORA: SEUS APELOS URGENTES

EVANGELHO – Lc 11, 47-54

Naquele tempo, disse Jesus: Ai de vós, porque construís os túmulos dos profetas; no entanto, foram vossos pais que os mataram. Com isso, vós sois testemunhas e aprovais as obras de vossos pais, pois eles mataram os profetas e vós construís os túmulos. É por isso que a sabedoria de Deus afirmou: “Eu lhes enviarei profetas e apóstolos, e eles matarão e perseguirão alguns deles, a fim de que se peçam contas a esta geração do sangue de todos os profetas, derramado desde a criação do mundo, desde o sangue de Abel até o sangue de Zacarias, que foi morto entre o altar e o santuário. Sim, eu vos digo: serão pedidas contas disso a esta geração. Ai de vós, mestres da Lei, porque tomastes a chave da ciência. Vós mesmos não entrastes, e ainda impedistes os que queriam entrar”. Quando Jesus saiu daí, os mestres da Lei e os fariseus começaram a tratá-lo mal, e a provocá-lo sobre muitos pontos. Armavam ciladas, para pegá-lo de surpresa, por qualquer palavra que saísse de sua boca.
– Palavra da salvação.
– Glória a vós, Senhor

Olhar para Jesus:
No Evangelho de hoje, Jesus censura o seu povo e, principalmente os doutores da lei, por não terem ouvido e até matado alguns profetas que Ele enviou para ajudá-los a se converterem e a conquistarem o Céu. E o mesmo que fizeram com os profetas no passado, estão fazendo agora com Ele que é o profeta dos profetas, o próprio Deus.

Deus, que é um Pai com um amor infinito, faz de tudo para nos salvar. E, desde as aparições de La Salette, na França, tem enviado Nossa Senhora como profetiza para dar os últimos avisos de conversão.

Veja, por exemplo, o que escrevi no meu livro sobre o “Fim dos Tempos”, que foi o resultado de uma pesquisa de um ano sobre as aparições de Nossa Senhora:

Como a perversidade do mundo hoje está pior que nos tempos do dilúvio, se não nos convertermos urgentemente, Deus enviará um castigo muito pior que o dilúvio. Seria bom não falar sobre isto, porém não sou eu quem o está dizendo, mas a Virgem Santíssima em todas as suas aparições. Nossa Senhora, como mãe e profetiza, está nos alertando para a urgência da conversão, pensando na nossa salvação.

Veja o que Nossa Senhora disse em algumas ocasiões ao Padre Gobbi:

13 de agosto de 1982
Aniversário da quarta aparição em Fátima
“Filhos prediletos, dirijo os meus olhos misericordiosos para vós.
Eu sou a Mãe da Misericórdia, do amor formoso e da santa esperança e o meu Coração Imaculado treme de preocupação por vós. Quantos perigos vos ameaçam; quantas insídias vos arma o meu adversário!
Nesta hora do seu domínio e do seu triunfo, são tantos os meus filhos que correm o perigo de se perderem eternamente!
Vede em que grave situação hoje vos encontrais: a humanidade revoltou-se contra o Deus do amor e caminha pela estrada do ódio e do pecado, que é proposto como um bem, através dos meios de comunicação social.
Viveis num ambiente doentio e corrompido, e torna-se para vós muito difícil permanecer fiéis aos Mandamentos de Deus, que vos levam a percorrer o caminho do amor, a fugir do pecado, a viver na graça e na santidade.
Assim, cada dia tornam-se mais numerosos os pobres filhos que se deixam seduzir pelo egoísmo desenfreado, pela inveja e pela impureza. As vítimas mais fáceis, menos culpadas, são os jovens que têm a dolorosa sorte de viver nestes anos em que o mundo se tornou pior do que nos tempos do dilúvio (…)

Fátima, 13 de outubro de 1982
Aniversário da última aparição
“No mar tempestuoso em que navegais, acorrei todos ao meu Coração Imaculado.
Desci do Céu para vos dar esta âncora de salvação. Agarrai-vos à âncora que vos foi preparada pelo meu amor misericordioso.
Vinde a Mim, filhos, jamais como hoje tão ameaçados pelo gelo do pecado, pela tormenta do ódio, pela tempestade da rebelião contra Deus e contra a sua Lei, pelo terremoto da desordem moral, pelo perigo da guerra, da destruição e da fome.
Neste mundo, que se tornou pior do que no tempo do dilúvio, correis verdadeiramente o perigo de vos perderdes nesta vida pelos maus caminhos do pecado e da infidelidade; e na outra correis o perigo de vos perderdes por toda a eternidade.
De fato, quantas almas vão cada dia para o inferno, por não se ter acolhido ainda o convite que também aqui vos dirigi, para voltar a Deus pelo caminho da oração, da penitência e da conversão interior!
Estes são, portanto, os tempos do castigo e da salvação, da justiça e da misericórdia.

Nossa Senhora, nas suas aparições, tem nos falado da conversão inúmeras vezes desde La Salette. Será que temos ouvido os seus apelos? Da mesma forma como o seu povo matou os profetas enviados por Deus e, inclusive, Jesus Cristo, também hoje podemos estar matando estes apelos da nossa mãe, não dando ouvidos a eles, não transmitindo-os aos outros. Que Jesus não possa nos censurar, mais uma vez, de não ouvir os seus profetas e agora, a sua própria mãe, que não para de transmitir os seus apelos. Pensem que Nossa Senhora é, por assim dizer, “a sua última cartada”. Procurem se informar sobre as aparições de Nossa Senhora como La Salette, Lourdes, Fátima, Akita, Kibeho, Medjugordje etc.

NOSSA SENHORA: SEUS APELOS URGENTES

You may also like

SÃO JOÃO BATISTA: SUA VIDA
EVANGELHO - Lc 1, 57-66.80 Completou-se o tempo da gravidez de Isabel, ...
NOSSA SENHORA: IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA
EVANGELHO - Lc 2, 41-51 Os pais de Jesus iam todos os anos a ...
EUCARISTIA: CORPUS CHRISTI (2)
EVANGELHO - Lc 1, 39-56 Naqueles dias, Maria partiu para a região ...
NOSSA SENHORA: MÃE DA IGREJA
EVANGELHO - Jo 19, 25-34 Naquele tempo, perto da cruz de Jesus, ...
PLANO DA SANTIDADE (12): 3 AVE-MARIAS
EVANGELHO - Jo 17, 20-26 Naquele tempo, Jesus levantou os olhos ao céu ...
OTIMISMO: SEU FUNDAMENTO NA FÉ (I)
EVANGELHO - Lc 24, 35-48 Naquele tempo, os dois discípulos contaram o ...
NOSSA SENHORA: FESTA DA ANUNCIAÇÃO
EVANGELHO - Lc 1, 26-38 Naquele tempo: O anjo Gabriel foi enviado por ...
ESPERANÇA (5): AMOR CARINHOSO DE DEUS
EVANGELHO - Lc 24, 35-48 Naquele tempo: Os dois discípulos contaram o ...
ESPERANÇA (4): VISÃO SOBRENATURAL
EVANGELHO - Lc 24, 13-35 Naquele mesmo dia, o primeiro da semana, dois ...
NOSSA SENHORA: DOR DIANTE DO SEU FILHO MORTO
EVANGELHO - Mt 28, 1-10 Depois do sábado, ao amanhecer do primeiro dia ...
Page 1 of 24
Rolar para o topo